18 de jun de 2010

Meu novo vício...

Eu sei que ainda falta terminar o desafio e faz uma semana que não faço isso, mas em semana de prova não consigo fazer nada além de estudar. Meu Deus, nem acredito que as férias estão chegando!!!! Estava ficando louca, afinal estudar demais mata.
Em fim, meu real motivo para vir aqui é outro. Por acaso eu já disse que adoro séries de investigação? Não? Então tenho dito: adoro, amo desaparecidos, CSI, Damages e etc e tal. Meu mais novo vício agora é Bones! Coitadinho dos irmãos Winchester, tenho que arrumar alguém para consola-los, afinal de contas dei muita atenção para eles, durante muito tempo... Eles que se virem, por que eu fiz o mesmo com o próprio Mr. Darcy.(E olha que degladiei muito co minhas amigas para tê-lo como meu, por que todo mundo adora o Mr Darcy)
Bones é um seriado 'legista', se assim eu posso dizer, da mesma forma que CSI desvenda assassinatos , mas ao contrário de CSI, eles apenas usam cadáveres como evidência (e a fixação da Brennan para as evidência é tão forte quanto a do Grisson). Devo novamente frisar que eu odeio clichês e certos paradigmas, mas se o clichê e o paradigma forem usados da forma correta, dá para ser ótimo. Isso é exatamente o que acontece com Bones, o seriado é clichê, por que sejamos sinceros que todos os seriados desse gênero cegue mais ou menoso mesmo ritmo (com exceção de Damages), eu posso quase dizer que é um clichê(o que não é completamente), mas que é muito bom.
Ele é um seriado leve, nada daquela tensão de CSI(que eu adoro), descontraido, pelo menos para mim. A inteligência da Brennan assossiado a graça do Booth é o grande tchan da série, vi poucos episódios e já torço pelo casal, que é um tanto quanto engraçados. A Dra. Brennan é uma antropologa e trabalha no Instituto Jeffersonian, ela ajuda o Agente do FBI Booth a solucionar casos inusitados.
Descobri a série por acaso, foi nas férias, e como estavamos para viajar e cheios de coisa para fazer, acabei terminando minha mala muito tarde,como faltava poucas horas para todos acordarem resolvi ficar acordada, por que afinal de contas não adiantaria muita coisa dormir apenas uma hora. Sem mais nada para fazer, liquei a Tv e estava passando Bones. Não entendi muita coisa, já que eu peguei o episódio pela metade, mas me interessei, fiquei com aquilo na cabeça. Recentemente meu pai assinou Tv acabo e pronto, acabei vendo um episódio do seriado e agora estou aqui.
Nesse meu vício frenético, acabei arrastando meu irmão mais novo. Ontem eu cheguei cansada em casa da faculdade(depois de uma noite supper mal dormida, isso já era dese esperar) e ainda por cima ajudei a dar faxina na casa (já que minha mãe foi sair), coitada de mim e da Vânia(a faxineira), depois de uma tarde dessas eu só queria descansar, e o que eu fiz? Fui ver Bones! E quando fui ver mais a noite de novo meu mano viu comigo, e só sabiamos dizer uma coisa, nem vou me dá o trabalho de reproduzir...
O seriado é ótimo, os protagonistas tem uma excelente química e o jeito descontraido da série é demais.
Devo acrescentar que esse amor pelo seriado é o dos mais perigosos, hoje pesquisando no site dotz, para ver quais brindes que eu poderia trocar, procurei não vou mencionar (isso, bones! Tô ficando repetitiva), e achei bones e a Edição definitiva de Sherlock Holmes que estou namorando a um tempo, e sabe o que vou comprar? O imencionável (me recuso a repetir bones), isso é crítico por que eu nunca troco meu livros por quaisquer outras coisas... Trocando livros por Cd's, o que eu tenho na cabeça?

Nenhum comentário: