19 de mar de 2009

Quem quer ser um milionário?

Jamal tem 18 anos e serve chá em um call center, o rapaz vê sua vida mudar quando participa de um reality show chamado Quem quer ser um milionário?(muito parecido com o Show do Milhão brasileiro). Mas por ser um rapaz pobre, e ir ter chegado tão longe (o prêmio maior vale 20 milhões de rúpias, coisa que alguns intelectuais nem haviam conseguido chegar perto) é acusado de fraude, e assim começa a história.
Honestamente o filme não tem nada que outros filmes de Hollywood não tenham, os efeitos especiais são bons e vários outros detalhes que lhe conferiu nada mais nada menos que 8 estatuetas, ou seja, não vai muito além daquilo que já vimos nos filmes de Hollywood. Mas qual é o diferencial do Quem quer ser um milionário? Fácil, ele tem aquilo que Sweeney Tood não tem e nem nunca irá ter: ENREDO.
Sim, o filme tem um excelente e emocionante enredo(e excelentes atores também), e esse é o ponto forte. Ele é de fato digno de todas as premiações que recebeu. A história da vida de Jamal é contada intercaladamente com os fatos presentes. O protagonista luta com todas as força para conseguir aquilo que mais deseja, e entra no reality show não por ambição material, mas para conseguir algo muito maior. É um vai e volta de passado e presente que é uma loucura, logo entende-se por que Jamal alcança o mais alto prêmio.
Não vou falar mais nada sobre o filme, mas acreditem, vale a pena ver e ler(sim, eles lançaram um livro do filme, como manda a nova moda, tudo vira livro). Simplesmente digno das 8 estatuetas que recebeu. Eu simplesmente amei o filme, e amei conhecer Jamal!

Nenhum comentário: