3 de ago de 2012

Poliana - Eleanor H. Porter

Bom, esse livro era para o Desafio Literário, mas como eu enrolei demais para ler, acabei perdendo o prazo (uma coisa imperdoável para quem deseja ser advogada...). Mas eu li! E... estou feliz, por que afinal, esse ano, o desafio esta indo melhor do que o ano passdo e me proporcionado boas leituras.
O livro Pollyanna é uma fofura só, um livro infanto juvenil bastante interessante, que eu já tinha ouvido falar há muitos anos atrás, mas não me dei o trabalho de ler... A vida, afinal de contas, é assim mesmo!
Gostei tanto do livro que irei ler sua continuação, é claro, apenas a continuação que a autora escreveu, por que existem várias continuações de  outros autores, mas vamos combinar, não é a mesma coisa!
Não vou entrar em detalhes, mas vou confessar que mais para o final do livro cheguei a chorar, uma raridade no que diz respeito aos livros. Consigo expressar vários sentimentos ao ler um livro, mas chorar não é um deles!
O enredo gira em torno de um jogo que o falecido pai de Pollyanna ensinou a ela, quando queria ganhar uma boneca e ao invés disso ganhou um par de muletas ( que foi doado a Pollyanna, já que o pai da menina era um missionário, sendo assim muito pobre). E aí, a vida da garota passa a girar ao redor do jogo do contente. Atráves do jogo, Pollyanna consegue mudar bastante o cenário na cidade onde passa a morar com sua tia (pois o pai dela havia morrido). É muito interessante ver o desenrolar da estória, mesmo que algumas coisas sejam previsíveis.
Achei bastante interessante, pois o livro nos passa um conselho moral, apesar de simples, ele nos ensina grandes verdades, por exemplo: o de parar de reclamar e ser feliz por poder ter o que tem, como é o caso da vizinha de Pollyanna que reclama de tudo, se levavam a ela um cabrito assado ela dizia que estava ruim por que na verdade gostaria de comer uma geleia; e por aí vai.
A história é legal, apesar de ás vezes achar a Pollyanna um pouquinho irritante com o jogo do contente, confesso que cheguei querer esganá-la!
Mas a leitura foi bastante interessante e tranquila, sem estórias elaboradas, ótimo para ler em um fim de tarde para descansar a mente!!!

Nenhum comentário: